O último suspiro da irregularidade


O movimento contrário à regularização fundiária da Fazenda Paranoazinho minguou e não passou da insatisfação de menos de 30 pessoas que não querem pagar pelos lotes adquiridos irregularmente.

Do outro lado, mais de 2mil famílias já aderiram à regularização fundiária em condomínios no Grande Colorado, Boa Vista e Contagem. Dessas, mais de 1.200 já possuem escrituras de seus lares e as demais aguardam a finalização do processo de regularização junto ao GDF.

Os mais de 50 condomínios da região estão localizados na Fazenda Paranoazinho, área adquirida pela Urbanizadora Paranoazinho, em 2008. De lá para cá, a empresa vem atuando tecnicamente para regularizar a área com o mesmo processo adotado pelo Governo do DF na legalização de regiões como Vicente Pires, Arniqueiras, Jardim Botânico e Tororó.

Os moradores argumentam que ações de Usucapião irão garantir o direito à propriedade, mas, em mais de 10 anos, nenhuma das ações movidas por condomínios, associações ou moradores teve ganho de causa na Justiça.

Entre as reivindicações do grupo estão o cancelamento do decreto que finalmente permitiu a regularização de muros e guaritas, uma demanda quase unânime de todos os moradores.

#RegularizaçãoFundiária #Condomínios #GrandeColorado

anuncio_la_salle_vertical_retangle.jpg
anuncio_psg_retangulo.jpg

© 2018 por Jornal Nosso Bairro

61 3226-6000

@nossobairro3.0

@nossobairro3.0

61 98406-5321

Márcio Caetano