PUBLICIDADE:

Novos parlamentares querem tornar CLDF mais participativa

A nova legislatura da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) teve, na última eleição, a maior renovação de sua história. Apenas 8 dos 24 deputados foram reeleitos.

Os novos parlamentares, sendo a maioria em sua primeira gestão enquanto deputados, começaram seus mandatos levando inovação para a Casa e defendendo a bandeira da nova política e do fim das velhas práticas. Parlamentares como Júlia Lucy (NOVO), Fábio Felix (PSOL) e Leandro Grass (REDE) têm se destacado por suas ações. As atividades vão desde abertura de processo seletivo para composição de gabinete, até a criação de um coworking na Câmara Legislativa.

Confira a seguir o que esses parlamentares têm feito para inovar e tornar seus mandatos mais participativos.

COWORKING NA CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL

Com a finalidade de dar novos usos ao seu gabinete, a deputada Júlia Lucy (NOVO) abriu uma chamada de projetos para transformar o seu gabinete em um espaço coworking (modelo de trabalho baseado no compartilhamento de espaços e recursos de escritório). A iniciativa é voltada principalmente para “profissionais ou estudantes (a partir do 5° semestre) das áreas de arquitetura ou de design de interiores”.

A ideia é “ressignificar o conceito de Gabinete Parlamentar, com a criação de um ambiente de trabalho moderno e harmonioso, proporcionando a todos os frequentadores o compartilhamento de um espaço organizacional com clima acolhedor e descontraído".

ASSESSORIA COM EGRESSO DE SISTEMA PENITENCIÁRIO

Também estreante na CLDF, Leandro Grass (REDE), surpreendeu a comunidade parlamentar com a nomeação de um egresso do sistema penitenciário do DF. Emerson Franco é estudante de sociologia e educador popular em Santa Maria. Há dois anos, promove eventos de prevenção à violência em escolas e unidades de internação de adolescentes em conflito com a lei.

Emerson trabalhará com o deputado na equipe de participação e mobilização. Além de Emerson, Grass também nomeou uma pessoa com deficiência em seu gabinete. A equipe de 19 pessoas conta também com maioria feminina.

CONTRATAÇÃO DE ASSESSORES POR PROCESSO SELETIVO

Prática pouco comum para contratação de assessores parlamentares, os distritais Fábio Felix (PSOL), Júlia Lucy (NOVO) e Leandro Grass (REDE), destinaram parte das vagas de seus gabinetes para contratação via processo seletivo, adotando critérios técnicos para escolha dos profissionais. Ao todo, os três deputados distritais destinaram um total de 12 vagas que serão preenchidas seguindo essa modalidade de seleção. De acordo com o candidato Fábio Felix, sua equipe estuda ofertar, no futuro, mais vagas a partir do mesmo processo, após avaliar a experiência das contratações atuais. Exemplos da "nova política" na nova CLDF.

PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Caminito_300x300.jpg

Receba nossa newsletter

Jornal Nosso Bairro é um jornal da Editora Nosso Bairro

Siga o JNB:

  • Instagram JNB
  • Facebook JNB
  • Youtube JNB

Endereço

SCS, Quadra 7, Bloco A, 100

Edifício Torre Pátio Brasil

12º andar - Sala 1221

CEP 70307-902

Email:

Telefone: