PUBLICIDADE:

GDF Presente mira na solução das demandas locais


Foto: Renato Araújo / Agência Brasília

O Governo do Distrito Federal anunciou no último dia 13 maio, o início do programa GDF Presente. A iniciativa pretende agilizar a solução das demandas locais das Regiões Administrativas, delegando poder para as Administrações Regionais. As atividades seguiram o modelo do SOS DF, que buscou resolver as demandas mais urgentes de cada localidade.

De acordo com a assessoria de comunicação da Secretaria de Cidades, “A meta é aprimorar os resultados nas três áreas de trabalho que mais provocam reclamações da população: o tapa-buraco, a limpeza de ruas e a retirada de entulho”. Na nova estrutura, a Secretaria criou sete Unidades de Planejamento Territorial (UPT). Ao total, 122 equipamentos foram distribuídos entre as UPTs. Anteriormente, o maquinário ficava no pátio da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) e, a partir de agora, estará disponível para uso de grupos compostos por até sete cidades, definidas por aproximação.

Sobradinho, Sobradinho II, Fercal e Planaltina compõem o Polo Norte, que já está em funcionamento. Outros dois polos também foram criados (Sul e Oeste), com quatro cidades cada.

Na prática, as demandas são identificadas e elencadas pelas administrações regionais, que devem direcionar as necessidades à Secretaria de Cidades. A pasta é responsável por planejar o atendimento e coordenar os trabalhos diante das prioridades. No fim, a Novacap as executa.

“Cada administração regional tem equipamento próprio, mas, muitas vezes, este é subdimensionado para as demandas”, esclarece Marco Aurélio, assessor especial da Subsecretaria de Desenvolvimento Regional e Operação nas Cidades (Suder), vinculada à Secretaria de Cidades. “Então, criamos essa força-tarefa para fazer um mutirão nos locais, com rodízio de equipamentos dentro dos polos”, explica Marco.

O programa não tem prazo para encerrar as atividades e não demandará mais gastos aos cofres do GDF. Segundo a Secretaria de Cidades, o contrato do maquinário já existe e os equipamentos serão apenas redirecionados para atender as necessidades de forma mais ágil, eficiente e eficaz.

Para o Administrador Regional de Sobradinho II, Alexandre Yanez, os trabalhos “são de grande importância e garantem uma manutenção constante para a região”. O administrador acredita que o Programa “vai melhorar o serviço prestado, permitindo eficiência e rapidez na solução dos problemas. Consequentemente, levará mais qualidade de vida à população”, pontua.

PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Caminito_300x300.jpg

Receba nossa newsletter

Jornal Nosso Bairro é um jornal da Editora Nosso Bairro

Siga o JNB:

  • Instagram JNB
  • Facebook JNB
  • Youtube JNB

Endereço

SCS, Quadra 7, Bloco A, 100

Edifício Torre Pátio Brasil

12º andar - Sala 1221

CEP 70307-902

Email:

Telefone: